Efeitos da coenzima Q10 na Doença de Parkinson quando a Levodopa deixa de apresentar resultados

A Levodopa ou L-Dopa é um fármaco usado no tratamento das síndromes parkinsonianas. Ocorre que, alguns pacientes, depois de algum tempo sob sua prescrição, deixam de receber seus efeitos benéficos – o medicamento apresenta ‘desgaste’. Estudo publicado on-line em maio de 2015 mostra, pela primeira vez, que a coenzima Q10 (CoQ10 ou ubiquinol-10) apresentou melhoras sobre a Doença de Parkinson (DP) no momento em que o medicamento Levodopa deixou de apresentar resultados.
Leia mais

Relação entre baixos níveis de magnésio e calcificação da artéria coronária

É sabido através de estudo anterior (Northwestern University School of Medicine, Chicago, com participação de 3.000 homens) que a quantidade de magnésio ingerida é inversamente relacionada aos níveis de cálcio na artéria coronária (CAC) – indicador de risco de aterosclerose.  Estudo recente, publicado em Nutrition, Metabolism & Cardiovascular Diseases, investigou a relação entre o baixo nível sérico de magnésio e CAC usando dados de exames de saúde.
Leia mais

Perder peso com suplementos: Óleo de peixe pode produzir micróbios que “protegem” contra o ganho de peso e a inflamação

O óleo de peixe tem sido demonstrado como benéfico para o corpo humano, apresentando características como a melhora das habilidades cognitivas e até mesmo sendo eficiente no bombeamento do coração, mas a capacidade deste óleo na alteração das bactérias do intestino de um indivíduo pode fazer uma boa diferença no tratamento de perda de peso. Pesquisadores da Universidade de Gotemburgo, na Suécia, compararam o efeito do óleo de peixe no intestino com a banha de porco,  um outro tipo de gordura de uma dieta. Seus resultados, publicados na revista Cell Metabolism, revelam os impactos, positivos ou negativos, que o óleo de peixe e a banha de porco têm, respectivamente, sobre as bactérias do intestino.
Leia mais