Atualmente, na Europa, China e Estados Unidos, a periodontite (inflamação dos tecidos que cercam o dente) afeta mais da metade da população adulta. Em populações entre 60 e 74 anos, a prevalência da condição é ainda mais alta, de 70 a 90%. Os antibióticos comumente utilizados no tratamento periodontal são a penicilina, tetraciclina, macrolide e metronizadol, mas a microbiota que reside na cavidade oral pode agir como um reservatório de microrganismos resistentes a antibióticos, alguns causadores de doenças.