O campo da medicina percorreu um longo caminho desde o uso da heroína como remédio para a tosse ou a terapia magnética para melhorar o fluxo sanguíneo. Esses métodos desatualizados foram colocados de lado décadas atrás. Mas há muitas práticas medicinais antigas que resistiram ao teste do tempo. Na verdade, muitos dos produtos farmacêuticos que salvam vidas hoje são derivados de plantas primeiramente descobertas por comunidades indígenas.