O papel do café da manhã nas dietas de gerenciamento de peso sempre foi questionado e a pesquisa sobre o tema segue em andamento. Um estudo recente sobre ingestão de energia e atividade física mostrou que as adolescentes que pularam o café da manhã consumiram 350 calorias a menos por dia.

Pesquisadores da Universidade de Loughborough analisaram os hábitos alimentares e físicos de 40 adolescentes entre 11 e 15 anos em três dias, avaliando como a omissão do café da manhã afetou sua ingestão diária de energia. Sua primeira descoberta foi que as meninas comiam, em média, 115 calorias (kcal) a mais quando pulavam o café da manhã em comparação com os dias em que ingeriam a refeição matinal padrão fornecida pelos pesquisadores.

Entretanto, ao calcular o valor calórico do café da manhã nos dias que ele era fornecido, com cerca de 470 kcal por refeição, uma surpresa: a ingestão líquida de calorias consumidas durante todo o dia foi de menos 353 kcal nas datas em as jovens pulavam a primeira refeição do dia.

Segundo o Dr. Keith Tolfrey, coautor do trabalho “Effect of breakfast omission and consumption on energy intake and physical activity in adolescent girls” (em tradução livre, “O efeito da omissão do café da manhã, o consumo energético e atividade física em adolescentes”), as pessoas que têm o hábito de consumir o café da manhã têm menos probabilidades de sobrepeso ou obesidade, mas a sua pesquisa mostrou que o café da manhã aumentou a ingestão total de energia nas meninas no curto prazo.

Café da manhã: refeição mais importante do dia?

O estudo mostrou que a ligação entre o café da manhã e a manutenção do peso ainda requer trabalho adicional. De acordo com Tolfrey, há uma crença comum de que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. No entanto, cerca de um terço das crianças e adolescentes em muitos países não consome a refeição regularmente.

“Há muitos relatórios que mostram que a omissão do café da manhã está associada à obesidade, o que pode ter levado a premissas prematuras de que aquela refeição pode ser usada como uma intervenção para controle de peso. Mas não sabemos por que o café da manhã está associado a uma menor probabilidade de sobrepeso ou obesidade, ou se ele pode ser usado efetivamente como uma estratégia de controle de peso”, detalha o médico.

O café da manhã na pesquisa e na mesa dos adolescentes

De acordo com a autora principal da pesquisa – uma parceria firmada entre Loughborough e a Universidade de Bedfordshire, publicada no British Journal of Nutrition – Julia Zakrzewski-Fruer, da Universidade de Bedfordshire, suas descobertas apoiam um pequeno número de estudos experimentais que analisaram um dia de omissão do café da manhã. Tais análises descobriram que ao pular a refeição foi encontrada uma associação ao menor consumo de energia.

Com os resultados da pesquisa encabeçada por Julia Zakrzewski-Fruer, questiona-se por que os jovens que ingerem café da manhã regularmente têm menos probabilidades de sobrepeso ou obesidade. Isso significa que a busca por respostas desencadeou novas pesquisas sobre a importância do café da manhã na manutenção e perda de peso, incentivando o intercâmbio científico entre pesquisadores e médicos.

“Vale a pena notar que, devido à base de evidências limitadas, não podemos dizer definitivamente como o café da manhã está ligado ao status de peso e à saúde, então pesquisas futuras ajudarão a determinar se o consumo diário de café da manhã pode ser usado como uma intervenção para reduzir o risco futuro de doença em jovens”, finaliza a Dra. Zakrzewski-Fruer.

 

Traduzido e adaptado por Essentia Pharma

 

Fonte: https://medicalxpress.com/news/2017-10-breakfast-overeating-day.html

 

“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da Essentia.”