O chá verde tem sua fama antioxidante consolidada há muito tempo e suas funções não são somente auxiliar a perda de peso. Uma meta-análise publicada em junho de 2013 no American Journal of Clinical Nutrition, respeitada revista científica, reafirmam um de seus maiores benefícios: controlar a glicose em indivíduos com síndrome metabólica.

Uma equipe de pesquisadores do Chongqing Nutrition Research Center Medical, na China, selecionou 17 estudos que incluíram um total de 1133 participantes para fazer uma análise.Eles selecionaram os estudos de acordo com o consumo de chá verde ou de extrato de chá verde por pelo menos duas semanas pelos participantes, e pelos valores de glicose em jejum ou de insulina medidos antes e após o tratamento, além de outros critérios.

Catequinas do chá verde como agente hipoglicemiante – De acordo com os resultados, o consumo de catequinas a partir chá verde variou de 208 a 1207mg por dia. A ingestão de chá verde mostrou significativa associação com reduções na glicemia de jejum e da hemoglobina A1c, um marcador do controle glicêmico de longo prazo. Algumas análises mostraram que a glicemia de jejum reduziu em participantes em risco de síndrome metabólica, mas não em indivíduos saudáveis, e que o consumo de chá verde é benéfico apenas quando fornece um nível mínimo de 457mg de catequinas por dia. Uma análise adicional de estudos de alta qualidade indicou que o consumo de chá verde também reduziu significativamente a insulina de jejum.

Alguns trabalhos demonstraram que polifenóis como as catequinas conseguem inibir a absorção de glicose no intestino através de um aumento no mecanismo captador do nutriente, daí seu efeito regulador. Segundo um dos autores, Kai Liu, “ensaios clínicos de longo prazo e de alta qualidade, especificamente realizados para avaliar os efeitos do chá verde no controle da glicose e na sensibilidade à insulina são necessários para avaliar e definitivamente confirmar estes bons resultados.”

Fonte:

Liu, K., Zhou, R., Wang, B., Chen, K., Shi, L., Zhu, J., Mi, M. Effect of green tea on glucose control and insulin sensitivity: a meta-analysis of 17 randomized controlled trials. Am J Clin Nutr August 2013. 

“As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e não devem ser um substituto para o profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Procure sempre o aconselhamento do seu médico ou outro prestador de cuidados de saúde qualificado com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da Essentia.”