A massa, força e função muscular podem diminuir com a idade. Esse declínio é conhecido como sarcopenia e contribui para a fragilidade de adultos mais velhos. A sarcopenia afeta o equilíbrio, a marcha e a capacidade de realizar atividades básicas da vida diária porque a síntese proteica fica comprometida. Geralmente, a necessidade dietética de proteína aumenta com a idade e adultos mais velhos requerem uma quantidade maior para estimular sua síntese nos músculos, em comparação com adultos jovens. Nesse contexto, a leucina é um aminoácido essencial que desencadeia a síntese de proteína muscular mesmo em pessoas com níveis não altos de ingestão proteica.

Leucina e seus benefícios em ação

Um grupo de pesquisadores canadenses realizou um estudo para comparar os efeitos de duas bebidas proteicas em 22 mulheres saudáveis, com idades entre 65 e 75 anos. As bebidas tinham a mesma quantidade de proteína, mas quantidades diferentes de leucina. Os pesquisadores compararam: taxas diárias agudas e integradas de hora em hora de síntese de proteína nos músculos das pernas relaxados.

Também foram analisadas as taxas de síntese após exercícios de resistência, tendo como hipótese que elas seriam maiores entre as mulheres no grupo de tratamento – aleatoriamente designadas para consumir uma bebida com 4,2 gramas de leucina por porção versus 1,3 gramas no grupo controle. O estudo foi publicado no American Journal of Clinical Nutrition.

Onze mulheres foram designadas para cada grupo e as bebidas foram ingeridas duas vezes ao dia durante seis dias. Todas as participantes realizaram exercícios resistidos unilaterais (em uma perna) durante o período. A síntese de proteína muscular aguda por hora aumentou durante o período de suplementação na perna descansada e exercitada em ambos os grupos. No entanto, o aumento foi maior entre as mulheres no grupo de tratamento que consumiram mais leucina. Índices diários integrados de síntese aumentaram em ambas as pernas no grupo de tratamento, já no grupo controle o aumento se mostrou apenas na perna exercitada.

Leucina para síntese de proteína em mulheres

O estudo sugeriu que cerca de 4 gramas de leucina integrados na dieta diária podem estimular uma maior síntese de proteína em mulheres mais velhas saudáveis em comparação com bebidas com menos leucina. Embora pesquisas adicionais realizadas durante longos períodos de tempo com amostras maiores sejam necessários para corroborar esses resultados, esse estudo mostra que a leucina pode desempenhar um papel contra a perda de massa muscular comumente associada ao envelhecimento.

Traduzido e adaptado por Essentia:

https://www.medicalnewsbulletin.com/can-leucine-increase-muscle-protein-synthesis-older-women/